Cães também sentem ciúmes

Pesquisadores da Universidade da Califórnia convidaram 36 pessoas para levar seus cães ao local de testes. Lá, a missão dos participantes era interagir com um cachorro animado de mentira, uma abóbora iluminada de Dia das Bruxas, e um livro infantil, desses que tocam melodias.

A ideia era fazer com que eles tratassem os dois primeiros objetos como se fossem cachorros de verdade. Durante as brincadeiras, todos os 36 cães foram filmados.

How-to-Get-a-Puppy-to-Stop-Being-Jealous

E os animais não gostaram nada de ver seus tutores brincando com os cachorros de mentira. Eles encostaram e tentaram chamar mais a atenção dos humanos enquanto eles brincavam com os bonecos do que com os outros objetos. E isso, segundo a pesquisa, é um claro sinal de ciúmes.

“Eles não foram sempre agressivos. Também tentaram coisas positivas, como ser mais afetivo para ganhar a atenção do dono e tentar recuperar o relacionamento”, conta Christine Harris, uma das autoras da pesquisa.

 

Fonte: Revista SuperInteressante