Carteiro amigão dos cachorros faz sucesso com selfies

A gente cresce com a ideia de que carteiros e cachorros não combinam, mas o carteiro Angelo da Silva é a prova viva de que isso é uma grande bobagem.

angelo

Aos 32 anos, Angelo é amigão dos dogs de Guaratinguetá, no interior de São Paulo. A cidade é onde ele entrega cartas e aproveita para fazer carinho nos cães-de-guarda (que baixam a guarda em troca de um afago).

angelo2

Mas o carteiro não sai passando a mão em qualquer cachorro. Ele primeiro oferece a palma para o animal cheirar, brinca um pouco e tenta conversar com os bichanos. Segundo contou à BBC, pode demorar até duas semanas para que o contato inicial se transforme em amizade.

angelo3

Angelo percorre pouco mais de um quilômetro diariamente para fazer as entregas, sempre de bicicleta. A amizade com os cachorros – e até mesmo com alguns gatos – torna a rotina mais agradável. De vez em quando, o carteiro aproveita para registrar uma selfie com os animais e as compartilha em grupos do Facebook, onde a dedicação é sempre muito bem recebida.

angelo4

Mesmo assim, o profissional nem sempre conquistou os animais. Em seu primeiro ano nos Correios, ele chegou a receber um arranhão – de um pinscher. Foi o único incidente até hoje.

Além dos bichanos encontrados durante o serviço, Angelo também tem três gatos e dois cachorros em casa e ajuda a resgatar outros animais das ruas, que são encaminhados para adoção. No futuro, um dos sonhos é trocar as cartas pelo carinho com os pets, criando um canil para resgatar todos os animais abandonados que encontrar pelo caminho.

Fonte: BBC Brasil

banner-site-simparic