Tosse em Cachorros – saiba o que pode ser e como tratar

Cachorro tossindo: o que pode ser

Para explicar a tosse de cachorro, é importante saber que a tosse é um reflexo que se destaca por uma irritação em algum ponto do sistema respiratório. Assim, pode ter origem por infecções nas vias respiratórias, pela presença de produtos que causam irritação (como podem ser fragmentos vegetais ou restos de comida), por doenças cardíacas, tumores, parasitas ou simplesmente pela pressão de uma coleira apertada.

A tosse pode ser profunda, seca, úmida, aguda, débil ou prologada. As características ajudam o veterinário a orientar o diagnóstico e também reconhecer a presença de outros sintomas como alterações respiratórias, secreção ocular e nasal, espirros ou expectorações. Em qualquer caso você deve recorrer a um veterinário.

 

Cachorro tossindo como se estivesse engasgado

Qualquer corpo estranho alojado no sistema respiratório pode explicar porque o cachorro está tossindo. Esses corpos estranhos podem ser brinquedos, ossos, anzol, cordas, etc. Se o cachorro tosse com se tivesse alguma coisa na garganta, é possível que esteja diante deste caso. Se o cachorro ficar inquieto e ansioso, dependendo da localização do corpo estranho é possível que ele tente tirar, levando a pata até a boca, também pode ter hipersalivação ou tente vomitar.

Se o objeto estiver instalado na laringe, o cachorro terá uma tosse como se estivesse asfixiando. Essa é uma situação de emergência e, por isso, deve levar o seu pet ao veterinário o quanto antes.

Tosse de canil ou traqueobronquite infecciosa canina

A explicação de um cachorro tossindo muito pode ser pela doença popularmente conhecida como tosse de canil (ou traqueobronquite infecciosa canina). Como o próprio nome indica, a tosse é o principal indício dessa doença que, habitualmente, afeta animais alojados em espaços coletivos, como canis, pois é altamente contagiosa.

d7bcced9a2578c97ba8e0556efb8e8e2

Trata-se de um grupo de doenças respiratórias causadas por distintas bactérias e vírus, como o vírus gripal ou Bordetella bronquiseptica. O cachorro tosse e tem náuseas e, de forma geral, não demonstra outros sintomas.

Embora sejam sintomas leves, é importante levar seu pet ao veterinário o quanto antes para evitar complicações como pneumonia, por exemplo. Apenas o veterinário é capaz de estabelecer qual o tratamento indicado e a medicação apropriada para o seu cachorro.

Encontre os Melhores Medicamentos nas Lojas Patas & Penas Pet Shop mais próxima. Clique Aqui.

para o seu cachorro.

Cachorro com tosse por faringite

É uma doença mais comum em filhotes, que pode fazer com que o cachorro apresente sintomas de tosse, vômito, diarreia, anorexia ou apatia. A faringite provoca dor, podendo até fazer com que seu cachorro deixe de comer.

Apenas o veterinário pode diagnosticar a causa e passar o tratamento. Costuma ser receitado antibiótico e é de extrema relevância que você controle a alimentação do seu cão, caso ele não queria comer, você pode recorrer a comida umedecida.

 Encontre os Melhores Alimentos Úmidos nas Lojas Patas & Penas Pet Shop. Clique Aqui.

Cachorro com tosse por bronquite

Bronquite cônica é mais comum em cachorros de idade média ou idosos e, geralmente, a origem é desconhecida.

Se você notou o seu cachorro tossindo e vomitando gosma branca, os excessos de tosse podem acabar com a expectoração de saliva com aspecto espumoso que pode ser confundida com vômito. Se não for tratada, pode provar lesões irreversíveis.

O veterinário receitará um medicamento para reduzir a inflamação dos brônquios e bronquíolos. Também é necessário adotar medidas paliativas como a eliminação de agentes contaminadores do ambiente e o uso de proteção para passear.

Cachorro com tosse por vermes pulmonares

A presença de parasitas pulmonares, em geral, no sistema respiratório é outra causa que explica porque cachorro está com tosse. Existem várias espécies que podem infectar os cachorros e é possível contrair ao ingerir um hospedeiro intermediário, como os caracóis. Essa patologia costuma provocar uma tosse leve e, algumas vezes não apresentar qualquer sintoma.

 Encontre os Melhores Vermífugos nas Lojas Patas & Penas Pet Shop. Clique Aqui.

Nos cachorros jovens, uma tosse persistente pode causar emagrecimento ou intolerância ao exercício físico. Ao tossir, as larvas chegam na boca e o cachorro as traga, podendo notar posteriormente nas fezes. Esses vermes podem ser causadores de problemas na coagulação, complicando o quadro e podendo provocar a morte do cachorro. É necessário um tratamento adequado e implementar corretamento o plano de desparasitação acordado com o médico veterinário com o objetivo de prevenir infecções.

Cachorro com tosse por doenças cardíacas

Na maioria das vezes, a tosse está relacionada a problemas respiratórios, no entanto os problemas cardíacos também podem provocar tosse de cachorro. O aumento do tamanho do coração afeta o funcionamento e repercute no pulmão, dando origem a tosse, intolerância ao exercício, cansaço, emagrecimento, ascite, dificuldades respiratórias e desmaios.

Esses sintomas aparecem em doenças como cardiomiopatia dilatada, valvular crônica, filariose, potencialmente mortais. Esta última é causada pelo verme do coração e atinge o auge com o aumento das temperaturas, facilitando o desenvolvimento do seu vetor, um mosquito que contém larvas de filaria sendo transmissível aos cachorros.

Encontre os Melhores Vermífugos nas Lojas Patas & Penas Pet Shop. Clique Aqui.

A filária desenvolve um ciclo vital em seu interior e termina instalando-se principalmente no coração e nas artérias pulmonares, afetando o funcionamento e constituindo um risco para a vida do cachorro. Se as larvas se deslocam podem obstruir a circulação sanguínea nos pulmões, causando tromboembolismo pulmonar. Se afetam as veias hepáticas, provocam síndrome da veia cava, responsável pela insuficiência hepática. Esta doença tem tratamento mas, em seu percurso, as larvas mortas podem produzir obstruções, causando a morte do cachorro.

37da6c422381b572b55029c23f1256f9

Cachorro com tosse: o que fazer

Se o seu cachorro apresenta tosse persistente e qualquer outro sinal mencionado no artigo, você deve visitar um veterinário de confiança para realizar os exames necessários e determinar as causas da tosse. O especialista passará um tratamento adequado segundo o quadro apresentado pelo seu cachorro.

Tosse de cachorro: como evitar

Como você pôde observar, são muitas as patologias que podem afetar um cachorro, podendo ser transmissíveis a humanos e vice e versa. Por isso, é de vital importância apostar em medidas preventivas como seguir o calendário de vacinação e desparasitação pautado pelo veterinário, já que ajudará a manter a saúde do cachorro e de toda a família.

Encontre os Melhores Vermífugos & Medicamentos nas Lojas Patas & Penas Pet Shop. Clique Aqui.

Não esqueça que é aconselhável visitar um veterinário a cada seis meses e seguir o programa de desparasitação mensal que ajuda a prevenir e tratar de forma rápida qualquer patologia que possa afetar o cachorro, utilizando sempre produtos prescritos pelo veterinário.